Tem crédito habitação? Saiba as diferenças: PARI e PERSI

Atualizado: 25 de fev. de 2021



Prevenção do incumprimento


Antes de proceder á celebração de um contrato de crédito, deve sempre ponderar e ter em atenção:


Os seus rendimentos são suficientes para assegurar o pagamento das dívidas que pretende contrair? As prestações do crédito constituem uma despesa mensal fixa do seu orçamento, e que durará até ao fim da amortização do seu empréstimo.


Informe sempre a sua entidade de crédito sobre a sua situação financeira, de forma a que a mesma possa efetuar uma análise da sua capacidade para reembolsar o empréstimo.


Plano de ação para o risco de incumprimento (PARI)


Por motivo de uma situação de desemprego ou de doença, deverá informar a sua entidade de crédito do sucedido, aproveitando para atualizar os seus contactos de forma a que de uma forma célere possa receber planos de ação para precaver eventuais incumprimentos.


A instituição de crédito irá avaliar a sua capacidade financeira e, deve propor-lhe soluções adequadas à sua situação económica, objetivos e necessidades.

Assim sendo, deverá prestar toda a informação e os documentos solicitados pela instituição de crédito no prazo de 10 dias.



Gestão do incumprimento


O cliente que se encontre em incumprimento por prestações em atraso, fica sujeito ao pagamento de juros de mora, comissões e outros encargos que acrescem à sua dívida, e que iram penalizar a sua situação económica e informações bancárias (comunicação à Central de Responsabilidades de Crédito do Banco de Portugal).


Tendo por base as prestações em atraso, a entidade de crédito pode iniciar uma ação judicial para a recuperação do crédito, que derivará na penhora de eventuais rendimentos e que pode chegar á venda dos seus bens.


Procedimento extrajudicial de regularização de situações de incumprimento (PERSI)


No âmbito do procedimento extrajudicial de regularização de situações de incumprimento (PERSI), poderá beneficiar de um conjunto de direitos e de garantias que visa obter um acordo de regularização dos incumprimentos e que pode evitar o recurso aos tribunais. (exceto contratos de locação financeira)


Não deixe o seu equilíbrio financeiro se deteriorar ao ponto do incumprimento, e peça ao seu especialista de crédito uma análise detalhada de todos os seus créditos. Eventualmente, através de uma consolidação de créditos pode recuperar alguma folga ao longo do mês.


19 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo